Categorias
Conteúdos Destaques Notas Técnicas

Comunicação social das universidades frente ao Covid-19

Desde meados de março, a restrição imposta pela crise sanitária forçou mudanças rápidas e respostas rápidas das universidade. Nesse artigo, listamos e analisamos as iniciativas de comunicação social de algumas universidades de destaque no mundo e as iniciativas brasileiras.

Em tempos de crise o público precisa saber como as universidades estão empenhadas na luta contra a pandemia global. De fato, as universidades continuam funcionando, protegem sua comunidade com distanciamento social e continuam realizando as suas atividades de pesquisa e de extensão. 

Esta é uma breve análise de como universidades líderes mundiais estão interagindo com as suas comunidades externas para enfrentar a crise sanitária e seus desdobramentos. Apenas casos de boas práticas são aqui destacados.

Exemplos no mundo

EUA

A Harvard University posicionou as notícias no ponto de entrada do seu site, com recursos sobre o desenvolvimento de aplicativos para saúde pública e links para a página dedicada ao coronavírus. Esta instituição apresenta conteúdos parecidos com a página de universidades brasileiras. 

O MIT também consolidou as suas contribuições em um microsite que revela a pesquisa realizada na instituição, além de enfocar os diagnósticos desenvolvidos pela Universidade.   

Em comparação, Stanford produziu uma página de informação de fácil acesso para alunos, enquanto os conteúdos para a comunidade externa tem por foco as pesquisas clínicas e a  educação para pais em casa, além de recomendar o estreitamento dos laços humanos. Ir além de uma abordagem restrita da medicina para outras áreas de conhecimento possibilitou a oferta de  recursos informativos de interesse amplo.

A Johns Hopkins University tem sido uma das  universidades mais proeminente em comunicação sobre o coronavírus. Além do seu excelente coronavirus dashboard , um ponto de referência para a mídia, para a academia e para o público em geral, ela oferece um mapa global, análises da mortalidade, e  vários outros recursos úteis e de grande interesse.

Reino Unido

O Imperial College foi o primeiro a orientar o seu Departamento de Epidemiologia para modelar a evolução da pandemia em escala global. Desenvolveu os primeiros modelos que resultaram na curva, que o Imperial College mostra a partir de suas próprias comunicações e em links para artigos na mídia internacional que registram o seu impacto.

A University of Oxford priorizou uma abordagem didática, com uma descrição das prioridades globais de pesquisa para o coronavírus, bem como um relatório detalhado das pesquisas da instituição

A University of Birmingham está incentivando o debate público sobre práticas responsáveis de comércio a partir de sua natureza enraizada na comunidade local, para manter a instituição como fonte crível para o debate local.

Singapura

The National University of Singapore destaca a contribuição dos seus  pesquisadores para combater a crise em todo o mundo, além de manter notícias e recursos atualizados. O foco nas pessoas ajuda o público a visualizar como os cientistas estão contribuindo de maneira imediata.

Brasil

A USP possui um canal de comunicação consolidado para atividades de pesquisa e extensão , além de um canal bem projetado de solicitação de doações para pesquisa. O site da STI Superintendência de Tecnologia de Informação publicou guias para professores e alunos, que oferece uma variedade de ferramentas e treinamento para ensino pela via remota. Existe também uma ampla oferta de cursos on-line

A Unicamp lançou uma plataforma de Inovação Aberta para a Covid-19, reunindo pesquisadores de diversas áreas, mas também abrindo esse processo e discussões ao público para acompanhar a ciência acontecendo em tempo real, algo que chamou a atenção da mídia.

A Unesp destaca áreas em que sua excelência se traduziu em impacto local, com laboratórios redirecionados para testes, além de uma contribuição das áreas de conhecimento de excelência da Universidade, . Sua meta é contribuir para a compreensão pública do vírus, com uma abordagem que vai além da ciência médica.

As universidades federais brasileiras adotam uma abordagem mais direta e focada em notícias objetivas. A UFABC destaca como está ajudando a região do ABC e o financiamento recebido para iniciativas.

A Unifesp destaca a organização dos grupos de pesquisa e uma página de informações direcionada à comunidade interna, além de uma página de doações para a fundação com o total arrecadado e de uma descrição dos equipamentos doados.

A UFSCar possui uma página dedicada à notícias sobre o Covid-19, destacando decisões oficiais e notícias da universidade para ajudar estudantes e funcionários.

Argentina

A Comision de Covid19 da UNAM – Universidade Autonoma do Mexico, segue diretamente do homepage da universidade com uma orientação à saúde pública, inclusive uma série de informativos para download e impressão. Da mesma forma, a UBA – Universidade de Buenos Aires (Argentina) esta focada na  informação pública.

Israel

O Instituto de Ciências Weizmann produziu uma página criativa que combina experiência individual e conhecimento público relevante. A Universidade de Copenhague está destacando o financiamento de € 2,7 milhões que recebeu da UE para o desenvolvimento de vacinas.

Conclusão e recomendações

As universidades estaduais produziram excelentes materiais sobre os esforços para combater o Covid-19, semelhantes a de outros países. As melhores práticas

diferenciam a comunicação interna para funcionários e alunos dos relatórios sobre os esforços de pesquisa para a comunidade externa. Os links acima levam para a página de destino e para as descrições do seu conteúdo.

É aconselhável almejar para além das ciências médicas: o engajamento das ciências sociais, aplicadas e outras ciências básicas tem um papel importante a desempenhar nos impactos imediatos, a médio e a longo prazo desta crise. Seu papel deve ser destacado e incentivar o debate público seria uma boa maneira de ir além dos muros da universidade. 

Universidades de origens não-anglófonas estão se comunicando em inglês, além dos seus idiomas nativos. Isso é algo que deve ser fortemente considerado pelas universidades. A ciência global está engajada num intenso esforço coletivo em torno de um único desafio compartilhado – a contribuição de cada universidade para o enfrentamento das crises será determinante para a sua reputação institucional na era pós-Covid. 

Links

Harvard

https://www.harvard.edu/

https://news.harvard.edu/gazette/story/series/coronavirus/

MIT

https://covid19.mit.edu/

https://news.mit.edu/2020/covid-19-diagnostic-test-prevention-0312

Stanford University

Johns Hopkins University

https://coronavirus.jhu.edu/

https://coronavirus.jhu.edu/map.html

https://coronavirus.jhu.edu/data/mortality

Imperial College London

https://www.imperial.ac.uk/news/196234/covid19-imperial-researchers-model-likely-impact/

Oxford University

http://www.ox.ac.uk/news/2020-03-13-coronavirus-covid-19-research-priorities

http://www.ox.ac.uk/coronavirus-research

University of Birmingham

https://www.birmingham.ac.uk/research/perspective/responsible-business-covid-19.aspx

UNAM

UBA

http://www.uba.ar/

National University of Singapore

http://news.nus.edu.sg/research/nus-experts-forefront-covid-19-fight

http://news.nus.edu.sg/highlights/latest-covid-19

Weizmann Institute of Science

https://www.weizmann.ac.il/WeizmannCompass/tags/coronavirus

University of Copenhagen

https://healthsciences.ku.dk/newsfaculty-news/2020/03/ucph-researchers-receive-eu-grant-for-vaccine-against-coronavirus/

Universidade de São Paulo

https://coronavirus.usp.br/

Unicamp

https://covid.ic.unicamp.br/

https://www.bbc.com/portuguese/brasil-52146248?fbclid=IwAR3OxoTYBXoTV7hzcXmQCJHf1gixJWu-gZhyxrrBKeJeHfYqEj6Zb78heWg

Unesp

https://www2.unesp.br/portal#!/noticia/35660/unesp-entrega-primeiros-resultados-de-testes-em-araraquara/

https://www2.unesp.br/portal#!/noticia/35662/os-morcegos-e-os-virus-mortais/

Unifesp

https://unifesp.br/boletins-anteriores/item/4401-propgpq-estrutura-grupo-sobre-a-covid-19-em-seis-grandes-temas

https://www.unifesp.br/coronavirus

https://unifesp.br/doehsp

UFABC

http://www.ufabc.edu.br/noticias/ufabc-obtem-r-488-mil-reais-do-mec-para-combate-a-covid-19

http://www.ufabc.edu.br/noticias/edital-aprova-iniciativas-de-combate-a-pandemia-da-covid-19

UFScar

https://www2.ufscar.br/covid19